17 de jun de 2008

Canjica para Lu, (Mungunzá prá Vilma)

Lu, Canjica.
Canjica, Lu.





Se prestasse eu te mandava pelo correio... A canjica está ótima, mas eu preferiria pamonha, só que não tinha mais...




Foto colhida no excelente blog
Come-se, onde está a receita da
dita cuja com fotos do passo-a-passo inclusive. Uma maravilha.


E viva São João... Aqui anda um frio que argh... O que é bem São João, na verdade, mas para minhas narinas (que nome feio) um tanto delicadas está um pouco demais...


----------



UPDATE:

Vilma, mungunzá.
Mungunzá, Vilma






Aqui no São João em regra você TEM que comer pamonha e canjica, o mungunzá é mais opcional, sendo possivelment dos três o meu predileto... Talvez só porque se coma quente, já que uma boa pamonha é também imbatível.

Além do que, come-se também em outras ocasiões (pamonha e canjica é que são exclusivos do período, porque, acredito, se faz com o milho in natura, enquanto o milho para munguzá se vende o ano todo no supermercado). Por exemplo, minha mãe tem o hábito de fazê-lo no ano novo, e nós TEMOS que comer, senão ela fica triste. Isso é tradição, crendice, e outras coisas mais, adiante-se. Eu não faço a menor questão, já que gosto muito da iguaria, como e ficamos as duas felizes, eu e ela.

Bom, como vou para o interior no sábado e só volto depois de pular fogueira, o certo é que comerei de "um tudo", daí quem sabe decido qual o melhor, hehehehe... Voltarei certamente com alguns quilos a mais (já que se trata de uma espécie de 'spa ao contrário'), mas feliz, porque talvez seja a época do ano que prefira, em termos de comilanças...

Bjokas com gosto de milho e cor de palha.

Nenhum comentário: